• Este campo é para efeitos de validação e deve ser mantido inalterado.

Bancos

Os bancos oferecem agora taxas preferencias de financiamento para incorporadores e hipotecas verdes para compradores de residências com certificação EDGE.

Os incorporadores estão começando a se beneficiar de financiamentos incentivados oferecidos por bancos com uma visão do futuro e que estão encorajando o setor de construção a criar projetos de edifícios com melhor desempenho. Esses bancos oferecem financiamentos incentivados a incorporadores para projetos que tenham uma certificação verde na etapa da criação do projeto com EDGE e outros sistemas líderes de certificação. Por sua vez, os bancos se beneficiam de possuir um portfólio de ativos verdes com valor maior e menor risco.

Compradores qualificados de imóveis podem então comprar propriedades certificadas pelo EDGE com hipotecas verdes, nas quais os custos de melhoria da residência são inseridos em empréstimos maiores. Hipotecas verdes representam uma situação ganha-ganha, já que os bancos fecham empréstimos de menor risco, enquanto compradores desfrutam de um poder maior de compra para pagar por recursos que reduzem as contas de serviços públicos. Conforme mais e mais bancos aderem a essa tendência, incorporadores e compradores poderão aproveitar ofertas cada vez mais competitivas, criando uma nova era onde residências construídas convencionalmente se tornarão obsoletas.

Estudo de Caso: O Bancolombia impulsiona o mercado residencial da Colômbia na direção de um futuro mais sustentável, recompensando o desenvolvimento verde.

O Bancolombia, maior banco comercial da Colômbia, oferece uma taxa de financiamento até 1% menor do que as taxas padrões do mercado para projetos certificados com EDGE ou outros sistemas de certificação líderes. Quanto mais verde de forma mensurável o projeto for, melhor é a taxa dada aos incorporadores. Ao mesmo tempo, o Bancolombia oferece hipotecas verdes para compradores qualificados de residências que compram propriedades certificadas pelo EDGE a uma taxa de desconto de 65 pontos-base durante os primeiros sete anos do empréstimo. Para conseguir isso, o banco utiliza seus próprios recursos juntamente com os lucros de um par de títulos verdes.

Os projetos qualificados devem receber um certificado de projeto preliminar de um sistema de classificação como o EDGE com serviços de certificação fornecidos pela CAMACOL. Dezenas de projetos foram trazidos por incorporadores interessados em garantir uma taxa de desconto do Bancolombia. O Davivienda, um outro banco líder na Colômbia que emitiu um título verde, agora também oferece financiamentos com desconto, além de pagar por uma parcela das taxas de certificação EDGE. A seguradora, SURA, também oferece um reembolso parcial no seguro de construção e conformidade para projetos com certificação EDGE.

Bancolombia, Colombia’s largest commercial bank, is pivoting the construction market towards a more sustainable future by issuing green bonds.

“Nossos serviços financeiros estão conectados a uma transformação positiva da sociedade”, diz Franco Piza, o Diretor Corporativo de Sustentabilidade para o Bancolombia, que recentemente ganhou o título de “banco mais sustentável do mundo” pelo Índice de Sustentabilidade da Dow Jones. “É nossa responsabilidade oferecer produtos e serviços que alcançam novos mercados, reduzem riscos e melhoram as taxas. A primeira prioridade é o lucro para nossos clientes por meio de melhores ativos e a segunda é proteger o meio ambiente”.

As construtoras que obtêm a certificação verde de seus edifícios têm acesso a incentivos vantajosos oferecidos por empresas de serviços financeiros e bancos inovadores em mercados emergentes.

Selecione o país que de seu interesse para descobrir quais incentivos os bancos e as seguradoras estão oferecendo para fazer a diferença na criação de seus futuros ambientes urbanos. Você também pode baixar a tabela de Incentivos Bancários do EDGE.

Colombia - SURA

Seguradora:

SURA

País:

Colombia

Tipologia da Construção:

Residencial e Comercial

Incentivo:

Em projetos com certificação EDGE, os titulares da apólice recebem um reembolso de 10% da construtora SURA e do seguro de conformidade com validade até dezembro de 2019.

Sistemas de certificação disponíveis:

EDGE

Site:

www.segurossura.com.co

Contacto:

Mauricio Alejandro Lozano, mlozano@sura.com.co ou +57 301 6936365

Costa Rica - Banco Promerica

Banco:

Banco Promerica

País:

Costa Rica

Tipologia da Construção:

Uso residencial e misto

Incentivo:

8,75% da taxa de financiamento de construções verdes, contra 9,25% de uma taxa comum

Moeda:

USD$

Termo:

Quatro anos, contra três anos de um termo comum

Período de Carência:

24 meses, contra 18 meses de um período de carência comum

Comissão de Abertura:

0,75%, contra 1% de uma comissão de abertura comum

Sistemas de certificação disponíveis:

EDGE, LEED GOLD, LEED PLATINUM, LEED SILVER (se comprovar economia de 20%)

Site:

www.promerica.fi.cr

Contacto:

Gustavo Calderon, gucalderon@promerica.fi.cr ou +506 2505-7124

Ecuador - Banco Pichincha

Banco:

Banco Pichincha

País:

Ecuador

Tipologia da Construção:

Uso residencial e misto

Incentivo:

Certificação EDGE gratuita para projetos menores e certificações EDGE Expert, EDGE Auditor e EDGE gratuitas para projetos maiores. Todos os projetos qualificados recebem treinamento gratuito do processo de certificação e do aplicativo EDGE. Sujeito a taxas de mercado de 8,95% a 11,23%.

Moeda:

USD$

Termo:

Até 28 meses (termo comum).

Sistemas de certificação disponíveis:

BREEAM, EDGE, LEED

Site:

www.bancopichincha.com 

Contacto:

Carla Dueñas at cduenas@pichincha.com

O EDGE preenche uma lacuna no mercado de uma solução baseada em métricas suportada pela comunidade de investimento que ajuda a acelerar a construção de edifícios verdes por meio de títulos verdes.

Os investidores querem ter certeza de que um edifício verde será operacional. A certificação EDGE atende essa necessidade com seu padrão mínimo de 20% menos energia, água e energia incorporada em materiais, conforme calculado pelo software EDGE e verificado por certificadores terceirizados. As instituições financeiras estão respondendo com a adoção do EDGE como o critério de elegibilidade para suas linhas de construção, incluindo o Bancolombia, CDC, Davivienda, EBRD, FMO, IDB, KfW e Proparco. O EDGE continua sendo intrínseco ao próprio negócio da IFC, possuindo quase US$ 4 bilhões em investimentos diretos e mobilização em edifícios verdes nos últimos cinco anos.

A emissão de títulos verdes apresenta crescimento estável de 4%, ano sobre ano, chegando a US$ 162 bilhões segundo a Climate Bonds Initiative – uma solução mensurável é essencial para qualificar edifícios verde. Títulos verdes têm tipicamente suportado projetos de energia renovável, mas com o EDGE, agora edifícios verdes podem capitalizar melhor na tendência de investimento.